:

Formada em Radiologia Médica, nascida e criada e Brasília. Dança desde 2004, professora e coreógrafa, ministra aulas há 8 anos, estudou ballet em algumas academias dentre elas Ballet Leonora Lima e Instituto Juliana Castro. Foi integrante da Cia Expressart até o fim de 2011, participando de coreografias de ballet, jazz, contemporâneo e afro.

Agora no IJC, atuando como professora de ballet clássico para deficientes visuais .

Conheça outros professores

Saiba mais sobre os nossos talentosos professores

Dançarino, professor, coreógrafo de dança de salão, atuando há quinze anos em Brasília. Iniciou seu trabalho profissional em 2002 e, desde então, tem se dedicado aos estudos e imersão nas técnicas de dança e de baile do tango. Responsável por promover a tradicional milonga Entre Sueños há 9 anos na cidade de Brasília, é um dos principais professores e divulgadores do tango-dança da capital federal. Participou como professor de vários congressos em Brasília, tais como Bsb Dança e Balança Brasília, em ambos ministrando aulas de tango e bolero. Promoveu excursões durante três anos consecutivos à cidade de Montevidéu com alunos e amigos para praticar tango. No ano de 2013, a convite da embaixada Brasileira em Nairobi - Kenya (África), participou como coreógrafo e professor de danças brasileiras na “Semana da Cultura Brasileira”, produzindo um pocket show com um grupo regional de dança africana. Fez parte do quadro de profissionais da Academia Unique entre os anos de 2011 e 2015. Em 2015, mudou-se para o Rio de Janeiro, dedicando-se ao aperfeiçoamento e prática de tango e samba de gafieira. Neste período, integrou a Cia de tango Nuevos Aires, atuando como dançarino em seu último espetáculo, Piazzola. Ministrou aulas regulares, cursos e seminários e se apresentou com renomadas Damas do cenário da dança de salão carioca. Participou, como professor e palestrante convidado, do Congresso Brasileiro de Tango (CBT) e do BH Tango, nos anos de 2015 e 2016. E já é professor confirmado no CBT 2017. Está de volta à Brasília renovado e motivado a fomentar a dança de salão na capital federal.
    Inicia seu desenvolvimento de consciência corporal aos 4 anos com a Equipe de Ginastica Olímpica do Setor Leste.
    Aos 8 ingressa no ballet clássico e matricula-se na Academia Lúcia Toller, na qual atua como bailarina pelos 9 seguintes anos de sua vida.Presta uma série de exames da Royal Academy of Dance, até o nível Advanced 1, no qual recebe a menção Distinction.Participa do Seminário REC Dança Nordeste, do Seminário Internacional de Brasília e tem aulas de verão no Centro de Movimento Deborah Colker.Paralelamente ao estudo do ballet, dedica-se a aulas de acrobacias aéreas com a professora Bela Levi, no Espaço Cultural Renato Russo. Teve aulas com Ana Luisa Grossi, Graziela Bastos, Lúcia Toller, Ivan Taperdoof, Luis Ruben Gozalez,  Edi Oliveira, Leonora Lima, Rodrigo Mena Barreto, Jana Marques, entre outros.Fez parte de ballets de repertório como La Fille Mal Gardée, Sonho de Uma Noite de Verão, Dom Quixote, La Bayadere e Paquita. Além de participar de espetáculos de dança contemporânea como um Remake do Mágico de Oz, Dança à Mostra, e o espetáculo Stabat Mater.
    Formação:
    Exame de ballet da Royal Academy of dance nos níveis, 5º grau, Intermediate Foudation, Intermediate (semi profissional), Advanced foundation ( semi profissional) e Advanced 1 (profissional), nos quais passou com Distinction.
     
      Júlia Gunesch, nascida em Pirenópolis – GO, é atriz, diretora, maquiadora, bailarina e coreógrafa de Dança de Salão e Tribal Fusion. Graduada em Artes Cênicas, Bacharelado, pela Universidade de Brasília – UnB, atua na área desde 2006, tendo realizado trabalhos para teatro, cinema, televisão e shows de dança. Desde 2011 desenvolve um trabalho diferenciado unindo Dança de Salão e teatro de forma híbrida e performática, a fim de tornar mais orgânica e completa a união entre os dois. É possível encontrar mais informações sobre esse tema em seu trabalho final no curso de Artes Cênicas, onde desenvolveu a pesquisa “A aplicação dos princípios da Dança de Salão ao processo criativo de uma cena”. Ainda em 2011 dirigiu o renomado espetáculo AMASSA! que funde os princípios da dança de salão, dança contemporânea, artes marciais e teatro. Em 2013 realizou a direção cênica dos espetáculos Andanças de um Malandro e Manual do bom Condutor, do grupo Atuadança, participando também como atriz e bailarina. Hoje integra o grupo de circo, teatro e dança Trupe de Argonautas como intérprete e desenvolve uma parceria na dança de salão com Oscar Ricarte, além de compor o quadro de professores do Instituto de dança Juliana Castro.